Cancro do rim: causas, sintomas, tratamento e prevenção

Tempo estimado de leitura: 5 minutos

O cancro do rim é uma patologia que se origina quando as células deste órgão iniciam um crescimento anormal e descontrolado. Os rins, essenciais para a saúde do organismo, são responsáveis pela filtragem do sangue, remoção de resíduos, controle dos níveis de sal e minerais, e pela produção de hormonas que regulam a pressão arterial e produzem glóbulos vermelhos.

Cancro do rim, carcinoma

Causas do Cancro do rim

Ainda que as causas exactas do cancro do rim sejam desconhecidas, existem factores de risco que aumentam a probabilidade de desenvolvimento desta doença. A idade, tabagismo, obesidade, hipertensão arterial, tratamento de longo prazo com determinados medicamentos e a genética são alguns deles. Adicionalmente, pessoas com doença renal avançada, particularmente aquelas que necessitam de diálise, também têm maior risco.

Sintomas do Cancro do rim

Os sintomas de cancro do rim podem ser variados e, frequentemente, são semelhantes aos de outras condições de saúde. No entanto, é importante estar atento a sinais como: sangue na urina, dor lombar persistente, perda de peso sem razão aparente, fadiga e febre intermitente.

Diagnóstico do Cancro do rim

Para o diagnóstico do cancro do rim, os médicos recorrem a exames físicos, análise da história clínica do paciente e testes diagnósticos. Entre estes, a ultrassonografia, tomografia computadorizada e ressonância magnética são os mais comuns. Em alguns casos, pode ser necessária a realização de uma biópsia para confirmar a presença de células cancerígenas.

Tratamento do Cancro do rim

O tratamento do cancro do rim depende do tipo e estádio da doença, bem como do estado geral de saúde do paciente. Pode incluir cirurgia para remover o tumor, terapia alvo (medicamentos que bloqueiam o crescimento de células cancerígenas), imunoterapia (tratamento que usa o sistema imunológico do paciente para combater o cancro) e radioterapia.

Prevenção do Cancro do rim

Embora não exista uma forma garantida de prevenir o cancro do rim, a adopção de um estilo de vida saudável pode reduzir o risco. Isso inclui a prática regular de exercício físico, manutenção de um peso saudável, alimentação equilibrada, abstinência de tabaco e consumo moderado de álcool.

Complicações e sequelas do Cancro do rim

O cancro do rim pode levar a complicações graves, incluindo a metástases, termo médico para a propagação do cancro para outros órgãos, insuficiência renal ou hipertensão. As sequelas do tratamento também podem ser significativas, como a necessidade de diálise permanente após a remoção de um rim, ou efeitos secundários da terapia alvo e imunoterapia.

Perguntas Frequentes

Existem diferentes tipos de cancro do rim?

Sim, existem vários tipos de cancro do rim. O mais comum é o carcinoma de células renais, mas também existem outros tipos como o carcinoma de células de transição e o sarcoma renal.

O que é o Carcinoma de células renais?

O Carcinoma de células renais é o tipo mais comum de cancro do rim, representando cerca de 90% de todos os cancros do rim. Origina-se nas células que revestem os pequenos túbulos nos rins.

Como é a progressão do cancro do rim?

A progressão do cancro do rim varia de pessoa para pessoa. Alguns tumores crescem rapidamente, enquanto outros podem crescer mais lentamente.

Quais são os primeiros sinais do cancro do rim?

Os primeiros sinais do cancro do rim podem incluir sangue na urina, dor lombar persistente, perda de peso inexplicada, fadiga ou febre intermitente.

A dieta pode influenciar o risco de cancro do rim?

Uma dieta rica em frutas e vegetais e pobre em sal, açúcar e gorduras saturadas pode ajudar a reduzir o risco de cancro do rim, bem como de outras doenças.

Quais são as opções de tratamento para o cancro do rim avançado?

O tratamento para o cancro do rim avançado pode incluir cirurgia, radioterapia, imunoterapia ou terapia alvo, dependendo das circunstâncias individuais.

É possível viver com um rim só?

Sim, é possível viver com apenas um rim. Muitas pessoas vivem vidas normais e saudáveis com um rim só.

Para que servem os rins no corpo humano?

Os rins desempenham um papel fundamental no corpo humano. Eles são responsáveis pela filtragem do sangue, removendo resíduos e líquidos excessivos para formar a urina. Além disso, regulam os níveis de sal e minerais no sangue e produzem hormonas que influenciam funções como a regulação da pressão arterial e a produção de glóbulos vermelhos.

O que é a diálise e quando é necessária?

A diálise é um tratamento que realiza a função dos rins quando estes não conseguem funcionar adequadamente. Utiliza uma máquina para filtrar o sangue, removendo resíduos e líquidos em excesso. A diálise é normalmente necessária em estágios avançados de doença renal crónica ou em casos de insuficiência renal aguda.

Que especialistas estão envolvidos no tratamento do cancro do rim?

O tratamento do cancro do rim pode envolver vários especialistas, incluindo um oncologista especializado em cancro, um urologista especializado em doenças do trato urinário, um nefrologista que trata doenças renais e um radioterapeuta que se concentra em tratamentos de radioterapia.

Cancro

Última atualização: