Esquistossomose: sintomas, causas, diagnóstico, tratamento e prevenção

Tempo estimado de leitura: 5 minutos

A esquistossomose é uma doença parasitária causada por vermes platelmintos do género Schistosoma. Afecta milhões de pessoas em todo o mundo, especialmente em áreas tropicais e subtropicais.

Causas da Esquistossomose

A esquistossomose é causada pela infecção por vermes Schistosoma, que se encontram em águas doces contaminadas com os seus ovos. A infecção ocorre quando a pessoa entra em contacto com a água infestada, permitindo que as larvas dos vermes penetrem na pele. Existem várias espécies de Schistosoma, sendo as mais comuns:

Sintomas da Esquistossomose

A esquistossomose pode ser assintomática ou apresentar sintomas ligeiros a graves, dependendo da carga parasitária e da resposta imunológica do hospedeiro. Os sintomas geralmente dividem-se em duas fases:

Fase aguda (dermatite cercariana ou esquistossomose aguda) – ocorre de horas a dias após a infecção e pode incluir:

Fase crónica (esquistossomose crónica) – pode ocorrer meses a anos após a infecção e pode incluir:

Diagnóstico da Esquistossomose

O diagnóstico da esquistossomose é geralmente feito através de exames laboratoriais, como a detecção de ovos do parasita em amostras de fezes ou urina, ou a identificação de anticorpos específicos no sangue. Outros exames, como ecografia e tomografia computadorizada, podem ser úteis para avaliar as complicações da doença.

Tratamento da Esquistossomose

O tratamento da esquistossomose consiste na administração de medicamentos antiparasitários, como o praziquantel, que actuam matando os vermes adultos e reduzindo a carga parasitária. Além disso, o tratamento pode incluir cuidados de suporte para aliviar os sintomas e tratar as complicações da doença.

Prevenção da Esquistossomose

A prevenção da esquistossomose inclui várias medidas, como:

Perguntas Frequentes

O que é esquistossomose?

A esquistossomose é uma doença parasitária causada por vermes do género Schistosoma, que afecta milhões de pessoas em todo o mundo, especialmente em áreas tropicais e subtropicais.

Como a esquistossomose é transmitida?

A esquistossomose é transmitida através do contacto com água doce contaminada com larvas do parasita.

Quais são os sintomas da esquistossomose?

Os sintomas da esquistossomose variam desde assintomáticos até manifestações agudas, como febre, arrepios e comichão, e crónicas, como aumento do fígado e baço, fibrose hepática e hemorragia gastrointestinal.

Como a esquistossomose é diagnosticada?

O diagnóstico da esquistossomose é feito através de exames laboratoriais, como a detecção de ovos do parasita em amostras de fezes ou urina, ou a identificação de anticorpos específicos no sangue.

Qual é o tratamento para a esquistossomose?

O tratamento da esquistossomose consiste na administração de medicamentos antiparasitários, como o praziquantel, e cuidados de suporte para aliviar os sintomas e tratar as complicações da doença.

Como posso prevenir a esquistossomose?

A prevenção da esquistossomose inclui evitar o contacto com águas doces contaminadas, tratamento e saneamento adequado da água e esgoto, educação e sensibilização sobre os riscos da doença, controlo dos moluscos intermédios e programas de tratamento em massa em áreas endémicas.

A esquistossomose é contagiosa?

A esquistossomose não é contagiosa de pessoa para pessoa, sendo transmitida apenas através do contacto com água doce contaminada com larvas do parasita.

Quais são as complicações da esquistossomose?

As complicações da esquistossomose incluem aumento do fígado e baço, fibrose hepática, hipertensão portal, hemorragia gastrointestinal, doença renal, problemas pulmonares e infertilidade e problemas geniturinários.

A esquistossomose tem cura?

Sim, a esquistossomose pode ser tratada com medicamentos antiparasitários, como o praziquantel, e cuidados de suporte para aliviar os sintomas e tratar as complicações da doença.

Quais são os países mais afectados pela esquistossomose?

A esquistossomose é mais prevalente em áreas tropicais e subtropicais, como África subsaariana, América Latina, Caraíbas, Médio Oriente e Sudeste Asiático.

Doenças infecciosas

Última atualização:

Amebíase: sintomas, causas, tratamento e prevenção

A amebíase é uma doença parasitária provocada pelo protozoário Entamoeba histolytica, que afeta principalmente o intestino grosso. O que é Amebíase? A amebíase é uma infecção causada pelo protozoário Entamoeba histolytica, que […]

Filariose: sintomas, causas, tratamento e prevenção

A filariose, também conhecida como elefantíase, é uma doença tropical causada por parasitas filariais transmitidos por mosquitos. O que é Filariose? A filariose é uma doença parasitária causada por nematóides filariais, sendo […]

Malária: causas, sintomas, tratamento e prevenção

A malária é uma doença infecciosa transmitida pela picada de mosquitos Anopheles infectados com o parasita Plasmodium. A doença é predominante em regiões tropicais e subtropicais, afetando principalmente a África subsaariana, Ásia […]